O que é um plugin?

O que é um plugin?

Artigos

Nos encontramos em determinada situação e pensamos: se tivesse uma forma de adaptar um pouco já seria de grande ajuda. Veja abaixo, o que é um plugin e como essas pequenas ferramentas inseridas em um browser ou em softwares podem ser muito úteis para os usuários.

Modificação para otimizar

Plugins são adições ou alterações de software que permitem a personalização de programas de computador, aplicativos e navegadores da web, bem como a personalização do conteúdo oferecido pelos sites.

Embora os plugins continuem a ser usados como complementos para personalizar programas e aplicativos, seu uso em navegadores da web diminuiu um pouco, em favor do uso das extensões de navegador.

Apesar das diferenças técnicas, para o usuário, pode-se até considerar a mesma coisa, se definirmos como algo que não fez parte da construção original, mas permite alterações e melhorias no uso do software.

Java é um dos plugins mais famosos encontrados (Imagem: Java/Divulgação)

Exemplos de plugins muito usados

Alguns bons plugins ainda existem para ajudar a personalizar a experiência do usuário com navegação na web, criação de conteúdo e com aplicativos e programas favoritos nas suas funções.

  • Adobe Acrobat Reader: como plugin independente, mais antigo e confiável para fazer as leituras de documentos no formato .pdf;
  • HP Print Service: um plugin que pode ser baixado no smartphone Android para enviar documentos para impressão na máquina HP sem a necessidade de usar o computador;
  • Javaplugin específico para rodar criações feitas nesta linguagem de programação;
  • WordPress: estes plugins para a plataforma de blogs ainda são muito usados, diversas funções, automações, relatórios, uma infinidade de modificações para melhorar o método de trabalho dos criadores de conteúdo, como o Yoast SEOJetpackAkismet.

Plugin e extensões são diferentes

Enquanto o plugin é um add-on (adicional) que altera funções e características de um software já estabelecido, as extensões são mais específicas para navegadores. Os plugins só tem informações sobre a página em que estão. Não sabem mais nada sobre o navegador ou o que está carregado em outras páginas.

Os plugins de navegador da web, antes muito usados, caíram no esquecimento devido aos browsers populares que não os suportam mais e os substituíram por extensões.

Uma extensão é algo específico para o navegador e são um pouco diferentes em cada modelo (Edge, Firefox, Chrome), mas costumam ter uma noção maior do que está acontecendo no browser como um todo.

Dark Reader é uma extensão importante para quem passa o dia na frente da tela (Imagem: Leandro Kovacs/Reprodução)

Eles podem ser adicionados automaticamente às páginas e serem acessíveis, separadamente, entre páginas distintas. Como experiência própria, eu uso em todos os navegadores disponíveis o Dark Reader, para reduzir a agressão da luminosidade do monitor nos olhos.

Com informação: Lifewire, Computer hope, Stack overflow.